15 de Agosto de 2022
icon instagram icon facebook icon twitter icon youtube

GOIÂNIA

03 de Agosto de 2022, 08h:22 - A | A

VARIEDADES / VÍDEO

Guilherme de Pádua grava vídeo e pede perdão para Glória Perez pela 1ª vez após assassinato de Daniella

O belo-horizontino Guilherme de Pádua publicou, nesta terça-feira (2), um vídeo em que pede perdão pela primeira vez para Glória Perez

LARISSA REIS
BHAZ



O belo-horizontino Guilherme de Pádua publicou, nesta terça-feira (2), um vídeo em que pede perdão pela primeira vez para Glória Perez pela morte da atriz e filha dela, Daniella Perez, em 1992. O caso voltou à tona após a estreia do documentário “Pacto Brutal”, no fim do mês passado, na plataforma HBO Max.

Na ocasião, Guilherme disse já ter pensado em pedir que alguém intermediasse um encontro com ela, mas que teve receio de “constrangê-la”. “Mas talvez eu nunca vá ter uma oportunidade real de pedir perdão. Por isso Glória Perez, eu te peço perdão, por todo sofrimento que eu te causei. Eu jamais esqueci daquele encontro na carceragem. Nunca esqueci”, disse ele.

>>> Clique aqui e receba notícias de Goiás na palma da sua mão

>>> Acesse este link e siga a notícia em tempo real no Instagram

O ex-ator também estende o pedido a Raul Gazolla, então marido de Daniella Perez na época do crime. “Eu te peço perdão. Eu nunca esqueci do dia que eu fui chamado na delegacia, você estava lá e se arrastou até a mim. Me abraçou chorando. E ali eu vi que eu era a pior pessoa do mundo”, acrescentou.

“Nunca na minha vida eu senti algo igual eu senti naquele momento. Nunca. Eu peço perdão aos familiares, aos amigos, a todos que se envolveram com essa história, que se entristeceram, que se revoltaram. Eu sei que esse pedido de perdão talvez não vá significar nada, mas eu quero deixar registrado”, frisou ele.

Documentário

A série documental “Pacto Brutal”, que conta a história do assassinato da atriz Daniella Perez, estreou na plataforma HBO Max no último dia 21 de julho. De acordo com a plataforma de streaming, a obra conta com relatos exclusivos sobre o crime que chocou o país em 1992.

Outra obra que abordará o crime, uma biografia de Daniella que será publicada pela editora Record, teve o lançamento ameaçado pelo ex-ator. De acordo com a Folha de S. Paulo, a atual esposa do belo-horizontino enviou mensagens ao pesquisador Bernardo Braga Pasqualette, que está em processo de finalização de um livro (leia aqui).

“Ele vai travar esse livro. O advogado dele vai resolver isso tudo. Vamos falar supermal e processar”, teria dito Juliana Lacerda, mulher do ex-ator, ao pesquisador. Ainda de acordo com o jornal, Bernardo Pasqualette vem tentando falar com os envolvidos no caso da atriz há anos, mas nem Guilherme de Pádua; a ex-mulher dele, Paula Thomaz; ou Glória Perez, mãe da vítima, aceitaram dar entrevistas.

Comente esta notícia


GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Av. T-4, Ed. Buena Vista Office Design - 16° andar - 1613 Goiânia - GO

(62) 3988-7592

reportermt
g5
conexao