28 de Junho de 2022
icon facebook

GOIÂNIA

05 de Outubro de 2021, 14h:40 - A | A

POLÍCIA / SUDESTE GOIANO

Fazendeiro tortura casal por 3 horas; mulher teve cabelo cortado com facão

Casal morava no local há 15 dias e pretende voltar a sua cidade natal, Edéia; caso foi registrado como ameaça e lesão corporal

DA REDAÇÃO




Um fazendeiro é acusado de ter agredido um casal de funcionários em Santa Cruz de Goiás, no sudeste goiano. As vítimas relatam que as agressões aconteceram no último domingo (3), enquanto todos estavam em um churrasco, ingerindo bebidas alcóolicas.

De acordo com o casal, um homem de 28 e uma mulher de 39 anos, além de tapas, o homem bateu com a lateral da lâmina de um facão. 

>>> Clique aqui e receba notícias de Goiás na palma da sua mão

>>> Acesse este link e siga a notícia em tempo real no Instagram

Enquanto era segurada por outro empregado, a funcionária teria levado tapas da esposa do fazendeiro, que participou da violência. Ainda segundo a vítima, ela teve o cabelo cortado com o facão.

O homem ficou com marcas no peito e nas costas, e a mulher com um hematoma no olho esquerdo.

Os dois conseguiram fugir do local e passaram a noite escondidos em uma mata. Ao amanhecer, procuraram ajuda em uma unidade de saúde. Em seguida, procuraram a Polícia Civil.

Na delegacia, as vítimas afirmaram que a sessão de violência durou cerca de 3 horas, e que não sabem o que motivou as agressões.

Na ocorrência, ficou registrado que o fazendeiro disse que estaria "batizando" o casal. O caso foi registrado como ameaça e lesão corporal.

O casal informou que estava morando em Santa Cruz de Goiás há 15 dias. As vítimas, que são de Edéia, disseram que pretendem voltar à cidade natal.

Comente esta notícia


GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Av. T-4, Ed. Buena Vista Office Design - 16° andar - 1613 Goiânia - GO

(62) 3988-7592

reportermt
g5
conexao