26 de Junho de 2022
icon facebook

GOIÂNIA

04 de Agosto de 2021, 15h:18 - A | A

POLÍCIA / HOMICÍDIO E GOLPE

Casal é acusado de sacar benefício do INSS de foragido morto

David Rosa de Jesus era considerado o principal suspeito pela morte do filho de 16 anos, em 2014

DA REDAÇÃO




Um casal é investigado por sacar o benefício do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) de um homem morto suspeito de ter assassinado o próprio filho em Girassol, distrito de Cocalzinho de Goiás. Segundo a Polícia Civil, o homicídio não tem relação com o golpe.

Samuel Silva de Jesus, de 16 anos, foi encontrado dentro de uma cisterna em fevereiro de 2014. O principal suspeito passou a ser o pai, David Rosa de Jesus. 

>>> Clique aqui e receba notícias de Goiás na palma da sua mão

>>> Acesse este link e siga a notícia em tempo real no Instagram

Considerado como foragido, o benefício do homem continuava sendo sacado em um agência no Distrito Federal. A morte foi descoberta apenas em setembro de 2020, quando um novo morador da casa onde o corpo do adolescente havia sido encontrado foi fazer a limpeza da cisterna e achou uma nova ossada. Após a perícia, foi comprovado que era Davi.

Segundo o delegado Rafael Barbosa, um golpista do distrito de Girassol pegou o cartão e repassou aos golpistas de Brasília. Os dois foram levados à delegacia para deporem. Mas, segundo o delegado, não foi encontrado ligação entre o homicídio e o golpe. O caso será repassado à Polícia Federal e segue em investigação.

Comente esta notícia


GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Av. T-4, Ed. Buena Vista Office Design - 16° andar - 1613 Goiânia - GO

(62) 3988-7592

reportermt
g5
conexao