11 de Agosto de 2022
icon instagram icon facebook icon twitter icon youtube

GOIÂNIA

10 de Julho de 2022, 07h:10 - A | A

PODERES / MISSA DE 7° DIA

“É uma dor que queima”, diz Caiado

Ronaldo Caiado Filho, 40 anos, foi encontrado morto na fazenda da família, em Nova Crixás, no último dia 03.

RAFAEL DE SOUSA
REDAÇÃO G5



O governador Ronaldo Caiado (União Brasil) falou sobre a dor de perder o único filho homem, que levava seu nome, durante a missa de sétimo dia realizada na Catedral Metropolitana, no Centro de Goiânia. Ronaldo Caiado Filho, 40 anos, foi encontrado morto na fazenda da família, em Nova Crixás, no último dia 03.

A declaração do governador ocorreu diante de familiares, amigos, assessores e líderes políticos como o ex-ministro da Saúde, Henrique Mandetta, e Luciano Bivar, presidente do União Brasil e pré-candidato a presidente.

>>> Clique aqui e receba notícias de Goiás na palma da sua mão

>>> Acesse este link e siga a notícia em tempo real no Instagram

"É uma dor que esgarça. Uma dor que sufoca. Uma dor que não para. Uma dor que queima. É algo que você imagina que não está acontecendo", disse comovido.

Caiado também afirmou que Ronaldo Filho era “estudioso, gostava de debater todos os assuntos e se preocupava com as pessoas mais carentes”.

Ainda segundo o governador, o filho gostava de curtir a vida e sempre ligava nos momentos mais delicados para incentivá-lo, dar opinião.

Ronaldo filho, conforme o pai, gostava dos projetos sociais, principalmente, na área da educação.

O governador também destacou que irá “trabalhar dobrado em homenagem a Ronaldo Filho para ele ter orgulho do seu pai”.
A mãe de Ronaldo, professora Thelma Gomes, e Maria, Marcela e Anna Vitória, irmãs do rapaz, também fizeram homenagens.

Thelma, muito emocionada, afirmou que o filho “sempre saía e voltava, mas agora ele não vai voltar fisicamente”.

As irmãs de Ronaldo Filho falaram de amor.

“Será transformado em amor no coração de cada um que está aqui”, disse Maria.

Marcela, a mais nova, falou sobre família.

“Família a gente não escolhe, mas se eu pudesse o escolheria mil vezes para ser meu irmão. Lembremos do Ronaldo Filho com alegria, pois ele não é tristeza”. 

Anna Vitória ressaltou que, por ser a mais velha, viu o irmão nascer.

“Certamente, todos que o conheceram irão guardar na memória tudo que foi bom em sua vida. Os pais vão trazer para sempre no coração as melhores memórias”, disse Dom João Justino, arcebispo metropolitano de Goiânia, que celebrou a missa.

Músicas de Roberto Carlos emocionaram ainda mais quem participou do ato.

Leia mais

Morre filho do governador Ronaldo Caiado; corpo encontrado em fazenda            

 

Comente esta notícia


GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Av. T-4, Ed. Buena Vista Office Design - 16° andar - 1613 Goiânia - GO

(62) 3988-7592

reportermt
g5
conexao