15 de Agosto de 2022
icon instagram icon facebook icon twitter icon youtube

GOIÂNIA

17 de Julho de 2022, 07h:29 - A | A

GERAL / AUDIÊNCIA DE CUSTÓDIA

Homem que colocou fogo no viaduto da T-63 foi solto pela Justiça

Segundo a Defensoria Pública, o homem foi liberado "com a obrigação de não mudar de endereço e de se apresentar no fórum sempre que for chamado".

MÁRIO ANDREAZZA
REDAÇÃO G5



Baltazar Campos David, 41 anos, preso por atear fogo no viaduto João Alves de Queiroz, da T-63 com a Avenida 85, No Setor Bueno, em Goiânia, foi solto durante audiência de custódia, segundo a Defensoria Pública de Goiás, neste sábado (16).

De acordo com a Polícia Civil, Baltazar Campos David, de 41 anos, teria praticado o crime na tentativa de procurar droga.

>>> Clique aqui e receba notícias de Goiás na palma da sua mão

>>> Acesse este link e siga a notícia em tempo real no Instagram

Segundo a Defensoria Pública, o homem foi liberado "com a obrigação de não mudar de endereço e de se apresentar no fórum sempre que for chamado".

"Ele foi ouvido e repetiu exatamente o que contou para a polícia: que foi um acidente. A Defensoria Pública pediu o relaxamento da prisão e o Ministério Público também se manifestou pela liberdade", disse a Defensoria.

A partir de agora, Baltazar vai responder em liberdade e que a Defensoria vai acompanhar o processo caso o homem não constitua advogado particular.

Leia mais

Incêndio do viaduto da T-63 pode ter começado no canteiro central

Viaduto no cruzamento da Avenida 85 com a T-63 é destruído pelo fogo; veja vídeo

Incêndio em viaduto

O caso aconteceu por volta das 5h de sexta-feira (15) e atingiu grande parte da estrutura do viaduto. De acordo com o delegado responsável pelo caso, Alécio Moreira, a droga havia caído em um buraco, e o homem teria usado fogo para iluminar o buraco e procurá-la.

"Ele primeiro tentou com um isqueiro, depois ateou fogo de um pedaço de papelão e esse pedaço de papelão teria caído nesse buraco. Dentro desse buraco, ele mesmo narrou que tinha colchão, tinha carotes de bebida, então o princípio do incêndio foi ali", completou o delegado.

Alécio Moreira explicou ainda que Baltazar já tem passagens pela polícia por roubo, uso de drogas e desacato. Ele foi preso no Setor Serrinha, em Goiânia, após agentes analisarem as imagens das câmeras de segurança.

"Ele tinha uma característica, uma dificuldade para andar. Você via que ele andava arrastando a perna. Após sua identificação, nós conseguimos encontrá-lo em uma casa no setor Serrinha, bem próximo ao local do fato", explicou Alécio.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil, Robledo Mendonça, o viaduto não há nenhum risco de desabamento, já que a concretagem não foi afetada.

“As placas de metal foram deformadas e correm risco de queda, após a perícia, a área será liberada para restauração”, disse o coordenado

De acordo com o secretário de Infraestrutura de Goiânia, Everton Schmaltz, técnicos trabalham na análise da estrutura e a base do viaduto não foi comprometida.

"A integridade da estrutura está mantida, carecendo de pequenos reparos", explicou Everton.

A parte de cima do viaduto também passou por análise: um elevado por onde passa os cabos, formada por uma estrutura flexível. A equipe avaliou que essas ligações não foram afetadas.

Segundo a pasta, neste sábado (16), também foram retirados os revestimentos metálicos danificados do viaduto. Ao todo, cerca de 60 placas foram atingidas pelo fogo e o próximo passo é remover todas as 600 e "substituí-las por obras de arte urbana".

O laudo completo com o que foi afetado deve ficar pronto na segunda-feira (18).

Os agentes da Secretaria Municipal de Mobilidade (SMM) seguem no local para orientar os motoristas e motociclistas. De acordo com a Seinfra, o viaduto e a trincheira continuam interditados e a Avenida T-63, em seu nível inferior, está liberada para o tráfego nos dois sentidos.

Ainda não há previsão para a liberação do trânsito no viaduto.

Comente esta notícia


GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Av. T-4, Ed. Buena Vista Office Design - 16° andar - 1613 Goiânia - GO

(62) 3988-7592

reportermt
g5
conexao