19 de Agosto de 2022
icon instagram icon facebook icon twitter icon youtube

20 de Junho de 2022, 09h:42 - A | A

GERAL / RELAÇÃO DOENTIA

Homem não aceita término, manda pix à ex e avisa: “vou pra matar e morrer”

Ocorrência foi registrada em Goianésia, onde o acusado ainda mandou mensagem à ex-sogra e anunciou que pagou R$ 8 mil pela cabeça da filha dela.

MÁRIO ANDREAZZA
REDAÇÃO G5



Jovem de 19 anos, nome não divulgado, relatou à Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM) de Goianésia (176 km da Capital) que está apavorada após ser “jurada de morte” pelo ex, 29, que envia “pix” a ela, com valores baixos, para fazer as ameaças por meio da mensagem do comprovante da transação.

De acordo com a vítima, ela e o acusado viveram juntos por aproximadamente um ano, mas que a relação era conturbada, já que ele era muito ciumento e sempre fazia constantes ameaças e injúrias.

>>> Clique aqui e receba notícias de Goiás na palma da sua mão

>>> Acesse este link e siga a notícia em tempo real no Instagram

Ainda segundo o depoimento, no fim do mês de março ela foi fisicamente agredida com murros e chutes pelo ex durante uma viagem. Em maio, a jovem decidiu terminar o relacionamento, mas ele não aceitou.

Desde então, o agressor começou a enviar mensagens ameaçadoras ao celular da vítima. Ela bloqueou, para ele não conseguir contato, então, o agressor começou a mandar os “pix” com valores de R$ 0,01 para fazer ameaças pelas mensagens do recibo.

"Você quer terminar, mas vai terminar morta", “vou te matar, te prometo”, “se estiver com homem, vou matar você e ele”, “se precisar morrer, eu morro, se precisar ser preso, eu vou, apenas quero que você fale na minha cara, eu viajando e você fez isso, mas eu não aceito”, diz as mensagens enviadas por pix.

Em outra mensagem, o acusado afirma que está disposto a morrer para matar a ex.

“(sic)To chegando chama o capeta pra ajuda que eu vou pra morre e mata hj mecheu com o capeta. Te prometo quando nao ver Vc morta não paro(sic)”, disse o acusado.

Leia mais

Segurança não aceita fim do namoro, mata ex a tiros dentro de casa e tira a própria vida

Menina de 10 anos é torturada por dois dias e brutalmente assassinada, supostamente, por dívidas de drogas do pai

Segundo a Polícia Civil, na quarta-feira (15), ele ainda afirmou ter trocado sua motocicleta por um revólver para matar a mulher e mandou um áudio para a mãe da jovem.

"Amanhã vou aí e vou matar sua filha. Eu paguei foi R$ 8 mil na cabeça dela", disse o homem à ex-sogra.

O homem foi preso de forma preventiva na sexta-feira (17). O caso é investigado pela Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM).

"A prisão preventiva foi decretada visando garantir a integridade física da mulher, considerando a gravidade dos fatos", disse a delegada Poliana Bergamo.

O acusado deve responder pelos crimes de lesão corporal qualificada pela violência doméstica e familiar, ameaça, injúria e perseguição com incidência da Lei Maria da Penha.

Caso segue em investigação.

Veja prints das ameaças enviadas à vítima

Ameaças de ex recebidas por jovem via PIX  — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Homem também ameaçou mulher por mensagens de texto — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Comente esta notícia


GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Av. T-4, Ed. Buena Vista Office Design - 16° andar - 1613 Goiânia - GO

(62) 3988-7592

reportermt
g5
conexao