27 de Junho de 2022
icon facebook

GOIÂNIA

23 de Junho de 2022, 15h:42 - A | A

GERAL / “BRINCADEIRA SEM GRAÇA”

Cartaz anuncia “campeonato de punhe**” na UFG e expõe calouro como organizador; veja imagem

O cartaz viralizou nas redes sociais com foto e contato telefônico de um estudante que denunciou o caso e disse que não tem nada a ver com o caso

MÁRIO ANDREAZZA
REDAÇÃO G5




Cartaz que divulga “campeonato de masturbação” nas dependências da Universidade Federal de Goiás (UFG) viralizou nas redes sociais e expôs um aluno, 18 anos, do curso de engenharia elétrica, nome não divulgado, que nada tem a ver com a “brincadeira”, como organizador do “evento”.

O anúncio traz a chaamada para o “1º torneio de punhe**” a ser realizado pelo “Associação Goiana de punhe***ros (AGP)”.

>>> Clique aqui e receba notícias de Goiás na palma da sua mão

>>> Acesse este link e siga a notícia em tempo real no Instagram

Em seguida, detalham que os participantes seriam divididos em “P e GG” nas categorias individual, duplas masculinas, semi-masculinas e mistas. Ressaltam que é “proibido órgãos eretos acima de 14 centímetros e que ejaculações precoces resultaria em eliminação.

O cartaz ainda avisa que o torneio está marcado para os dias 24 e 25 de junho, das 08h às 11h, no espaço do Diretório Central dos Estudantes (DCE), no campus Samambaia, em Goiânia.

Leia mais

Estudante é acusado de planejar atentado em universidade e termina preso pela PF; veja fotos

Calouros são queimados com creolina durante trote universitário

Apesar de não passar de uma “brincadeira”, o cartaz usou a foto de um estudante, que ingressou neste ano na instituição, no curso de Engenharia Elétrica, colocado como organizador do “campeonato” com o número de telefone, que serve como contato do WhatsApp, divulgados para que interessados pudessem participar.

O estudante diz que tomou conhecimento do fato nessa quarta-feira (22), quando passou a receber ligações e mensagens no aplicativo de pessoas perguntando do torneio.

A vítima relata que ficou assustado e com medo de ser expulso da universidade, já que é calouro, ou seja, ingressou neste ano na instituição, por ter seu nome envolvido no caso.

Ele diz que tomará as providências cabíveis ao caso, como registrar boletim de ocorrência para se resguardar, o acusado possa ser identificado e responda pelo fato.

Comente esta notícia


GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Av. T-4, Ed. Buena Vista Office Design - 16° andar - 1613 Goiânia - GO

(62) 3988-7592

reportermt
g5
conexao