13 de Agosto de 2022
icon instagram icon facebook icon twitter icon youtube

GOIÂNIA

04 de Julho de 2022, 16h:16 - A | A

GERAL / TRAGÉDIA NA PISTA

Caminhão capota na BR-153, mata menina de 7 anos e deixa outras 3 pessoas gravemente feridas

Ocorrência foi registrada na manhã dessa segunda (04), entre Itumbiara e Goiânia, quando o motorista perdeu o controle do caminhão ao fazer manobra para evitar batida de frente com outro veículo

MÁRIO ANDREAZZA
REDAÇÃO G5



Motorista de 38 anos, nome não divulgado, perdeu controle da direção do caminhão trator que conduzia pela BR-153, na manhã dessa segunda-feira (04), veículo capotou no km 554, e uma menina de 7 anos, filha do condutor, morreu no acidente entre Itumbiara e Goiânia. O motorista, a esposa, 37, e a outra filha, 12, ficaram feridos.

Resgate da Triunfo Concebra, concessionária que administra esse trecho da rodovia, prestou atendimento de primeiros socorros a todas as vítimas e as encaminharam ao Hospital de Hidrolândia, quando, ainda durante o trajeto, a menina de 7 anos não resistiu aos ferimentos e teve a morte constatada.

>>> Clique aqui e receba notícias de Goiás na palma da sua mão

>>> Acesse este link e siga a notícia em tempo real no Instagram

Polícia Rodoviária Federal (PRF) isolou o perímetro do acidente, controlou o trânsito e comunicou o fato à Delegacia de Polícia Civil e Polícia Técnico-Científica (PTC), responsáveis pelos procedimentos de perícia no andamento da ocorrência.

De acordo com as primeiras informações, o motorista do caminhão teria sido surpreendido por um outro veículo na contramão, teve que fazer manobra brusca para desviar e não bater de frente, momento em que perdeu o controle da direção e o veículo capotou no canteiro central da rodovia.

Leia mais

Motorista bêbado bate S10 em Strada, picape pega fogo e idosos morrem queimados

Batida entre carreta e bicicleta mata menino de 4 anos e deixa irmão em estado grave

Ambulância do Samu bate em caminhão parado e deixa médico em estado grave

Os peritos analisaram o perímetro e o veículo para coletar evidências que determinem as causas e circunstâncias do acidente. Laudo que será emitido, num prazo de dez dias, pode constatar a versão do motorista.

Médicos da unidade de saúde em Hidrolândia confirmaram a morte da criança e acionaram o Instituto Médico Legal (IML) para recolher o corpo, que passou por exame de necropsia antes de ser liberado para os procedimentos fúnebres.

Os investigadores acompanharam os trabalhos da perícia e deram início à apuração do caso, registrado como acidente de trânsito com vítimas.

Comente esta notícia


GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Av. T-4, Ed. Buena Vista Office Design - 16° andar - 1613 Goiânia - GO

(62) 3988-7592

reportermt
g5
conexao